Governador do Rio pretende destruir 148 anos de história indígena

Foto 30    

Só lembrado, bem pouco, no Dia do Índio, hoje a realidade dos índios brasileiros é ignorada por governos e até por grande parcela da população, é como se o índio não fosse parte da nossa cultura. No Rio de Janeiro, o prédio que já abrigou o museu do índio, tem 148 anos e hoje abriga 60 índios de 17 tribos diferentes, mas pode estar com os seus dias contados. Os índios ocuparam o prédio a cerca de seis anos na tentativa de chamar a atenção para o seu péssimo estado de conservação, já que o prédio possui grande valor para a comunidade indígena, pois abrigou o primeiro museu do índio. Mas o governo do estado demonstra pouco se importar com isso e pretende demolir o prédio para entregar a área à iniciativa privada.

 

O prédio está localizado no que agora é denominado “complexo do Maracanã” e no seu projeto essa área dará lugar a um espaço de mobilidade, com bares e lojas. Seguindo a moral do vale tudo pelo lucro, vale demolir um prédio histórico e despejar a comunidade indígena, tudo isso para contribuir para o projeto de um Rio de Janeiro para a elite carioca e turistas. O governador Sergio Cabral, chegou a dizer que não era problema dele o caso dos índios, disse também, que era uma exigência da FIFA a demolição, mas em nota a FIFA negou que a tenha pedido.

 

E atentem, que nessa área do complexo do Maracanã está a Escola Municipal Friedenreich, que é a 4ª melhor do estado do Rio, que também será demolida sem nem a promessa de que será construído um novo prédio. Outro fato interessante, é que só quem se encaixa nas exigências do edital de licitação do complexo, é o Eike Batista.

 

Não podemos nos omitir, a ANEL está ao lado dos alunos da Escola Municipal Friedenreich e dos indígenas que compõem a aldeia Maracanã.

 

 

Não a privatização do Maracanã, cultura e lazer não são mercadorias.

Não aceitamos que escolas sejam demolidas, educação é coisa séria.

E não ao despejo da aldeia Maracanã, pela valorização da nossa cultura.

Não queremos a mercantilização do Rio.

 

Brasil afora

SP   Em breve notícias de SP...

RJ   Em breve notícias de RJ...

BA   Em breve notícias de BA...

MG   Em breve notícias de MG...

PA   Em breve notícias de PA...

RN   Em breve notícias de RN...

RS   Em breve notícias de RS...

SC   Em breve notícias de SC...

CE   Em breve notícias de CE...

PR   Em breve notícias de PR...

MS   Em breve notícias de MS...

SE   Em breve notícias de SE...

PI   Em breve notícias de PI...

PE   Em breve notícias de PE...

GO   Em breve notícias de GO...

DF   Em breve notícias de DF...

AL   Em breve notícias de AL...

AC   Em breve notícias de AC...

AM   Em breve notícias de AM...

ES   Em breve notícias de ES...

AP   Em breve notícias de AP...

TO   Em breve notícias de TO...

RR   Em breve notícias de RR...

PB   Em breve notícias de PB...

MT   Em breve notícias de MT...

RO   Em breve notícias de RO...

MA   Em breve notícias de MA...

Distrito Federal Minas Gerais Rio Grande do Sul Santa Catarina Paraná São Paulo Rio de Janeiro Espírito Santo Mato Grosso do Sul Mato Grosso Goiás Tocantins Bahia Amazonas Pará Amapá Acre Rondônia Roraima Maranhão Piauí Ceará Sergipe Alagoas Pernambuco Paraíba Rio Grande do Norte
 
 
00:00